Argentina, Entretenimiento

Que shows de Tango escolher em Buenos Aires

Disculpa, pero esta entrada está disponible sólo en Portugués De Brasil. For the sake of viewer convenience, the content is shown below in the alternative language. You may click the link to switch the active language.

Que shows de Tango escolher em Buenos Aires: Muito se fala da variedade e da qualidade dos shows de tango em Buenos Aires. Praticamente nenhum turista volta para casa sem ter visto, no mínimo, um casal dançando tango em alguma esquina portenha. A dança argentina mais popular está presente em cada cantinho da cidade.

O lugar onde mais se respira tango é sem dúvidas San Telmo, o velho e querido bairro que todo visitante faz questão de conhecer. A história mostra que o tango argentino, que na verdade nasceu na beira do Rio de la Plata, no bairro de La Boca, em seguida adotou o San Telmo como o seu ponto de referência.

Prova disso é o grande número de casas de tango e milongas que podemos encontrar em San Telmo. Mas não é só no bairro mais antigo de Buenos Aires que todos os redutos tangueiros estão localizados. Tem casas bem badaladas espalhadas pelo Centro, Puerto Madero, Barracas, Abasto e outros pontos importantes da cidade.

Mas na hora de escolher um bom espetáculo… o que devemos levar em consideração? Existem muitas opções e a decisão pode não ser tão fácil assim, mas vamos dar uma olhada porque o esforço vale (muito) a pena.

Que shows de Tango escolher em Buenos Aires

Tipos de shows de Tango

Um dos lugares mais visitados é o Café Tortoni, na Avenida de Mayo. Durante o século passado foi o ponto de encontro dos membros mais destacados da cultura argentina, então carrega uma história difícil de achar em outro lugar.

Durante o dia funciona como café e à noite oferece um bonito espetáculo em algum dos seus dois salões: La Bodega e Alfonsina Storni. A capacidade é limitada, com poucas mesas e permite ter um contato bem próximo com os artistas. É um dos poucos lugares que não oferece jantar, mas é possível pedir uma bebida e uma refeição leve ou tira-gostos antes do show começar. Contudo, a dica é reservar mesa com antecedência.

Só que tem outras casas de tango que também funcionam em locais onde originariamente se escutava e dançava tango. El Viejo Almacén, em San Telmo, a Esquina Carlos Gardel, no Abasto, a Esquina Homero Manzi no bairro de Boedo (outra região decididamente tangueira por natureza) e o Café de los Angelitos, perto do Congresso Nacional.

Já no caso do Tango Porteño. Señor Tango (um dos mais procurados pelo público brasileiro) e o Madero Tango todos eles funcionam em espaços que foram especialmente criados ou recondicionados para a apresentação de um show de tango. Isso não tira, de jeito nenhum, a qualidade do espetáculo: produções mais caprichadas e até com um toque tipo Broadway. Enfim, tudo serve para representar a magia e a beleza do tango argentino.

O Piazzolla Tango e o Sabor a Tango também utilizam instalações que antigamente tinham outras atividades. Piazzolla funciona dentro da Galeria Güemes, no finalzinho da rua Florida, e o Sabor a Tango num atraente prédio onde funcionava o Palazzo Rossini (antigo ponto de reunião indiscutível da elite argentina), várias décadas atrás.

Se você prefere um espetáculo de tango onde seja possível estar bem perto dos bailarinos, não tem que pensar muito. No We Are Tango e no Complejo Tango os casais vão dançar literalmente na sua frente. E quem sabe até você ganha um convite para dançar junto com eles…

Num outro patamar, para aqueles que desejam uma proposta mais sofisticada, aparecem o Rojo Tango (no Faena Hotel de Puerto Madero) e o Gala Tango, em San Telmo. Requinte, glamour… e um preço bem mais significativo!

E por último, se o tempo ou o dinheiro estiverem curtos ainda existe a chance de ver casais dançando tango na rua. Caminito, em La Boca, ou na Plaza Dorrego de San Telmo (só finais de semana) permitem apreciar o singular charme do tango sem ter que gastar dinheiro.

Traslados e aulas de tango

Menos o Café Tortoni, praticamente todas as casas oferecem serviço de traslados ida e volta desde os principais hotéis portenhos. Desse jeito, não importa onde o seu hotel está localizado: a viagem está garantida e incluída no valor do ingresso. Além disso, muitas casas de tango até brindam aulas de tango antes ou depois do show. Já pensou em receber umas lições de tango dos próprios dançarinos?

As possibilidades para escolher um bom espetáculo e poder apreciar em primeira mão toda a beleza da típica dança argentina são muitas. Mas Buenos Aires oferece alternativas para todos os gostos, idades e orçamentos… logo, o tango argentino fica ao alcance de todo turista!

Patricio Espigares

Latest posts by Patricio Espigares (see all)

También te puede interesar

One Reply to Que shows de Tango escolher em Buenos Aires

Deja un comentario

Tu dirección de correo electrónico no será publicada. Los campos obligatorios están marcados con *